.Eu

.pesquisar

 

.Julho 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
24
25
26
27
28
29
30
31

.Acabado de dizer

. UPS!

.E já disse tanto...

. Julho 2011

. Março 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

Sexta-feira, 14 de Agosto de 2009

UPS!

A coisa ontem não correu muito bem aqui para os pais !

 

Estávamos a terminar o jantar e para sobremesa fui buscar um melão. Cortei uma fatia para o marido e disse-lhe: "Ó mor tá maduro de mais..." e ele, dá duas palmaditas do melão e diz que não. O pipoca, com a mania de imitar tudo o que vê, estica-se todo da cadeirinha e vem tentar dar também umas palmaditas no melão. Conclusão, bateu mesmo onde eu tinha a faca, porque estava a cortar mais uma fatia. Apanhei um susto enorme, mas felizmente fez apenas uma pequena esfoladela... que deitou um pinguinho de sangue, mas que lhe deve ter doido bem, tadito.

 

No fim do jantar, e como estava mesmo muito calor, o marido foi até à rua e o pipoca foi também. Tinha as janelas de casa abertas, por isso íamos falando todos facilmente. Às tantas o pai decide vir para dentro e começa a tentar pegar no pipoca ao colo, ele enrola-se no chão e o pai tenta pegar-lhe nos pés e nas mãos. Não sei que voltas deram, mas o pipoca escapou e acabou por bater com a cabeça no chão. O que vale é que estava a poucos centimetros do chão, e foi mais o susto que outra coisa. O pai vinha tanto ou mais aflito que o filho... lá pusemos gelo, mas aquilo nem deu para fazer galo...

 

Para acalmar o pipoca sentei-o na janela (tem uma pedra bem larga) e ficamos ali no fresquinho e nos mimos e o pai juntou-se ao mimo. Ainda o avisei: " Marido, se não nos pomos a pau, breve temos aqui a segurança social!!"

 

O pipoca passou o resto da noite com a mão no ar, a exibir o seu belo penso azul com patos, e apenas a usava para bater no pai... ah! e a dizer "Adinho a B.....tem dódói..." (Tadinho do B.... tem dó dói....)!

 

Esta do tadinho ficou, porque hoje de manhã eu demorei mais uns segundos a despertar e ele começou logo a choramingar, quando me levantei disse-lhe "Credo filho, a mãe já se levantou, foi um segundo... é preciso choramingar??" e ele: "Adinho a B..... thia a mãe..." (Tadinho do B.... queira a mãe....)! Ai tanto beijo que ele levou!!!!!

publicado por Antes assim... às 09:11

link do post | comentar | ver comentários (10) | favorito
Page copy protected against web site content infringement by Copyscape

.links

.tags

. todas as tags