.Eu

.pesquisar

 

.Julho 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
24
25
26
27
28
29
30
31

.Acabado de dizer

. o amor

. Cá por casa é tudo compli...

. Porque viver é mesmo assi...

. Março

. 2011

. PODIA SER DE UM FILME...

. PRENDINHAS DAS BOAS

. A NOSTALGIA DO NATAL

. A VIDA NÃO É FÁCIL...

. BIRRAS... COISA MAI LINDA...

.E já disse tanto...

. Julho 2011

. Março 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

Terça-feira, 13 de Janeiro de 2009

E PRONTO...

O marido lá me contou, porque lhe perguntei no mensenger... diz que o pai se limitou a dizer que não ao negócio em causa, e que ele se veio embora sem lhe dar tempo para dar uma razão para isso... Que hoje a mãe lhe ligou e afinal já querem fazer o dito negócio, e agora com melhores condições ainda. Ele disse que agora não queria nada. Que amanhã vai lá levar o telemóvel, que veio pela empresa do pai.

 

 E pronto, no fundo fiquei sem saber muito bem o que lhe dizer, até porque tenho medo que ele interprete mal as minhas palavras... disse-lhe que sabia o quanto o magoavam este tipo de atitudes, mas que ele era bom profissional e ia conseguir negócios com outras pessoas, e que a atitude do pai não tinha sido muito correcta, e não dava para perceber. Sinceramente, custa-me muito vê-lo sofrer assim. Se calhar amanhã já esqueceu tudo e já é tudo o pai outra vez e nem entrega o telemóvel... mas agora está a sofrer, e isso custa-me. por não o poder evitar... por não poder ir tirar satisfações... por sentir o medo que ele tem em desabafar comigo...

 

Sinto que o pai lhe deve ter dito que não por qualquer coisa... mas se teve a ver comigo ou com o problema entre nós o marido jamais mo dirá... Enfim, marido, paciência... pode ser que com o tempo comeces a compreender algumas coisas.

 

Já agora... é pena que seja por motivos destes que te volte a sentir mais perto e mais cúmplice, mesmo não desabafando comigo, mudas logo um bocadinho... Parece que para estares bem com eles não podes estar comigo... não entendo.

publicado por Antes assim... às 17:08

link do post | comentar | favorito
8 comentários:
De a 13 de Janeiro de 2009 às 17:56
Concordo contigo, é pena que seja por esses motivos. Mas "Deus escreve direitos por linhas tortas" e se tiver que ser assim, que seja.
Beijinhos querida.
De Antes assim... a 14 de Janeiro de 2009 às 09:13
Pois é amiga... e se tiver que ser assim para que nos venhamos a dar bem, olha lá terá que ser...
Beijinhos
De maebabada a 14 de Janeiro de 2009 às 09:55
o motivo não interessa, a união e cumplicidade vai-se fazendo de todos os momentos.

Aproveita o tempo em que ele esta mais ou menos com os pais para mostrar o melhor da vossa vida a 3, tira proveito disso, faz programas, mimos...coisas só vossas para ele sentir o bom que é dar mais atenção a voces os dois.

beijocas
De Antes assim... a 14 de Janeiro de 2009 às 10:57
Tens razão... e apesar de lamentar os motivos, mesmo inconscientemente agarro-me a estes momentos com "unhas e dentes" e é por saber que funciona entre nós que depois continuo a lutar por momentos iguais!! E sabes que o sinto mais feliz??
Beijinhos e obrigada
De mamaepedro a 14 de Janeiro de 2009 às 10:06
É uma situação complicada essa, acho que mtos casamentos terminam por causa de sogros, acho uma verdadeira estupidez, mas o que é que se há-de fazer, é cada vez mais dificil lidar com pessoas...
Eu, só tenho sogra e felizmente não tenho razão de queixa, mas eu também sou uma pessoa de poucas confianças e assim ninguém me pisa, porque eu não deixo.

Beijokas
De Antes assim... a 14 de Janeiro de 2009 às 11:00
Pois, o meu mal foi realmente dar confiança demais... mas jamais ia imaginar que ela viesse a mostrar tanta maldade e ciúme !! As pessoas são difíceis de lidar e não se limitam a viver a vida delas... Olha, ainda bem que pelo menos desse problema não te queixas!!

Beijinho
De _^ANGIE^_ a 16 de Janeiro de 2009 às 11:58
É Engraçado que eu quando tenho algo a falar com o meu namorido, também só o conseguimos fazer na net. E depois quando nos vemos, parece que não falámos de nada. Mas as coisas melhoram...

É pena que seja assim. Gostava de termos a coragem de falarmos cara a cara, mas ele é demasiado infantil quando toca a falar de coisas sérias. Em fim...

Beijocas e que dure mt tempo as coisas assim calminhas.
De Antes assim... a 16 de Janeiro de 2009 às 12:03
É que acontece connosco... a mim no inicio enervava-me muito, parecer que não se tinha falado nada quando nos encontrávamos . mas depois percebi que era melhor assim do que nada!! Paciência... a infantilidade deles as vezes é difícil de ser contornada...
Beijinhos

Comentar post

Page copy protected against web site content infringement by Copyscape

.links

.tags

. todas as tags