.Eu

.pesquisar

 

.Julho 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
24
25
26
27
28
29
30
31

.Acabado de dizer

. o amor

. Cá por casa é tudo compli...

. Porque viver é mesmo assi...

. Março

. 2011

. PODIA SER DE UM FILME...

. PRENDINHAS DAS BOAS

. A NOSTALGIA DO NATAL

. A VIDA NÃO É FÁCIL...

. BIRRAS... COISA MAI LINDA...

.E já disse tanto...

. Julho 2011

. Março 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

Quinta-feira, 7 de Maio de 2009

TRADUTORA

Ultimamente o pipoca, que sempre falou muito, fala ainda mais. É vê-lo a fazer frase completas que dá gosto. O pai, coitado, é que anda perdidinho da vida dele... é que uma palavra outra, a coisa ia indo, agora frases inteirinhas!!

 

No fim de semana o pai andou a gradar a terra à volta da nossa casa, para tirar as ervas e preparar o terreno para relvar (a ver se é desta, pai!!!). O pipoca achou muita graça quando viu o terreno assim, limpinho e direitinho. Perguntou-me:

Ele: Mãe, à thé?

Eu: Foi o pai filho, o pai andou a arranjar a terra!

 

Agora, todos os dias de manhã, assim que sai de casa aponta para a terra e diz-me " À pai athou a thé!"

 

Hoje o pai saiu logo atrás de nós e foi dar uma beijoca ao pipoca, que já estava sentado na cadeirinha dele. Mesmo assim, apontou para a terra e disse-lhe "Óia, à pai athou a thé!"

O pai ficou a olhar para ele... ele a insistir... e lá tive eu que traduzir! O pai todo babado, lá soltou um "Ahh! Pois foi filho!". Ai ai...

publicado por Antes assim... às 10:17

link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
Quarta-feira, 6 de Maio de 2009

MAMA É QUE É BOM!!

À noite, antes de ir deitar o pipoca:

 

"Vamos filhote, a mãe vai lavar as tetinas... mas olha que a mãe já não tem leitinho!!"

Ele olha muito sério para mim, em jeito de não estar a acreditar... ou a perceber o que eu dizia...

"A sério filho, as maminhas da mãe já não têm leitinho!"

 

Sento-me na cama para o deitar e ele salta para o meu colo e põe-se na posição de ir mamar.

"Ó filho mas a mãe já não tem leitinho..."

"À teti!" Pede-me, todo decidido.

Coloca a tetina na mama e dá uma chupadela.

" A tem!!!!" Diz-me aflito... e dá duas chupadelas mais vigorosas...

"Ahhhhh!! Tem tem!!" exclama ele feliz e muito mais descansado!

 

Acaba com um "hummm, é boum!!"

publicado por Antes assim... às 17:16

link do post | comentar | ver comentários (10) | favorito
Terça-feira, 5 de Maio de 2009

CASTIGOS E COMPANHIA

O pipoca é teimoso! Sai à mãe e ao pai!!

 

Quando não faz o que lhe mando ralho... às vezes grito e sei que não o devia fazer (às tantas é por isso que também ele agora grita)... já lhe calhou uma palmada na mão, e no fim fico com uns remorsos de morte!

 

Agora, se se porta mal e o ameaço com um ralhete ignora. Se lhe pergunto se quer levar uma palmada na mão responde "É!"... Chega mesmo a fazer mal e a vir ter comigo de mãos no ar a dizer "Mãee?? Tau tau!"... desisto... não lhe quero bater e já vi que ele não se importa muito com isso. Na altura, chora muito... muito alto, mesmo que sem lágrimas... pede "À beije mãe..." Pego-o ao colo, pede "Pu", pergunta-lhe se as desculpas são sentidas, responde "É!", dá-me beijos e diz que é "À bebé à mãe..." em tom meloso, e eu desarmo completamente!

 

Com a avó o castigo até resulta, se eu não estiver presente... comigo, ele próprio toma a iniciativa e diz que vai para o "atí"... senta-se, chama-me e diz "Mãee?? Óia, a atí!". Mas se for a sério e eu o mandar ficar no castigo, levanta-se muito rápido e diz que "A atÍ nhão!!".

 

Com isto tudo, é definitivo. Já não sou mãe de um bebé... embora o embale , e embora muitas vezes o trate como tal e lhe diga que vai ser sempre o meu bebé!! Sou mãe de um rapazinho. Um rapazinho muito esperto, que quando lhe convém é o "Bebé à mãe!!"

publicado por Antes assim... às 12:06

link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito

OLA!

Ontem passei por aqui, mas não estava com vontade de escrever... o marido resolveu presentear-me com um mau humor matutino vindo do nada... quer dizer, do nada não, que eu bem sei de onde ele veio. No Domingo à tarde foi a casa da mãe e à noite eu tinha outro marido... o embirrante, que bruta sem razão; como percebi logo, fui deitar-me eram 22.00H, ao menos evitei discussões desnecessárias; na segunda de manhã continuou... pelo menos à tarde a coisa melhorou e parece-me que agora está controlada! Sendo assim, passei o dia mal disposta e, em consequencia, limitei-me a ficar feliz com as coisas bonitas que fui lendo nos meus blogs de eleição! Mensagens lindas para as mães, presentinhos lindos dos filhotes, é realmente um dia muito significativo o Dia da Mãe!!

 

Eu tambem tive direito a presente, uma linda orquidea cor de rosa (o pai lá deve ter contado ao pipoca que era a flor preferida da mãe!!!). Só espero que esta não morra... até porque a inteligente da mocinha que a vendeu retirou a etiqueta que identifica o tipo de orquidea e os cuidados a ter com a mesma... olha, vai ser uma aventura!!

 

A minha rica mãe recebeu um vaso de gerberas cor de rosa e uns chinelos tipo crocs, mas sem a protecção atrás, que ela queria para andar a cuidar do jardim!

 

O fim de semana grande soube mesmo bem, e aproveitei muito o pipoca. O bom tempo ajudou, e convidou a andar na rua. O pipoca quis levar a mota para a zona do estendal, mas como não parava nos limites, ainda caíu cima da terra e das ervas!!! Nada de grave, eh eh eh! Em casa da minha mãe aproveitamos muito o jardim e o parque... ah, e o pipoca descobriu que andar de escorrega é muito mais divertido que andar no resto dos baloiços, pois claro!! E melhor, subir as escadas é muito giro... e perigoso!! E descer sem ajuda da mãe ainda mais!!! Eu a tentar que ele ao menos me desse a mão para travar a velocidade e ele a esconder as mãos... estava felicissimo com esta descoberta, andou imensas vezes. O meu avô, o bisavou "Uís", brincava com ele e dizia que não se andava mais de escorrega, enquanto se punha a tapar as escadas. O pipoca, muito decidido respondia-lhe "Taí... éa sim!!" (Sai... escorrega sim!!). E como fazer o que os grandes fazem é que é giro, ainda foi andar de baloiço em pé, como a prima "Uáua", que tem 5 aninhos mas não consegue perceber que tudo o que faça o pipoca vai querer fazer igual... Foi uma tarde de Dia da Mãe muito bem passada, com muito mimo e muito beijo!

 

Pior é a fase por que anda a passar o pipoca... a de gritar!! É que não sei aonde foi buscar a ideia, mas dá com cada grito! E se o contrareio, faz o mesmo em qualquer lado!! O problema é que, pelos vistos, so faz isto comigo, porque quando está com a avó não grita! O pai também não ajuda, porque provoca-o e irrita-o e depois, lá vem mais um grito... Agora ando a tentar ignorar, finjo que não o oiço gritar, pode ser que lhe passe...

 

publicado por Antes assim... às 11:16

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

.links

.tags

. todas as tags