Lilypie Fourth Birthday tickers

.Eu

.pesquisar

 

.Julho 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
24
25
26
27
28
29
30
31

.Acabado de dizer

. o amor

. Cá por casa é tudo compli...

. Porque viver é mesmo assi...

. Março

. 2011

. PODIA SER DE UM FILME...

. PRENDINHAS DAS BOAS

. A NOSTALGIA DO NATAL

. A VIDA NÃO É FÁCIL...

. BIRRAS... COISA MAI LINDA...

.E já disse tanto...

. Julho 2011

. Março 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

Free Blog Counter

Quinta-feira, 21 de Janeiro de 2010

ATÉ PARECE QUE ADIVINHA!!

Ontem o marido levou o pipoca a casa dos pais dele. Por tudo o que se passou, não é propriamente uma situação que me deixe confortável. No entanto, eu sou adulta (é verdade!), embora me custe pela injustiça e pela sensação de impunidade que isso mostra, nunca o proibi. Eles são avós, ele é neto, o pai leva-o lá quando assim o entende. Eu, a pouco e pouco, e atendendo ao facto de vivermos, ou não, um momento de tranquilidade familiar, lá vou conseguindo gerir melhor o estado de ansiedade de mãe leoa, que sou tudo menos perfeita!!

 

O pipoca tem dois anitos e meio! Não sabe de nada, não percebe nada, e as vezes há coincidências que me deixam a pensar se assim será mesmo!! Ele é esperto e apanha tudo o que dizem, seja dirigido directamente a ele ou não! Já é visível o quanto é aliciado com os brinquedos que lhe dão e com os quais apenas pode brincar lá, porque não o deixam traze-los para casa. Sei que mais tarde ou mais cedo me vai começar a pedir para ir  lá para poder brincar com eles. E sei também que prometi a mim mesma que quando o entendesse independente o suficiente para decidir aonde e com quem queria estar, não o iria proibir de ir. Ele vai fazer 3 anitos, e a sua independência é cada vez maior. Só me esqueci é que tenha ele 1 mês, 3 anos ou mesmo 10, o meu sentimento de mãe, de querer saber se está tudo bem, de o ver mais murcho e daí a um bocado querer saber se assim continua, de poder ir buscá-lo aonde está quando quiser, se vai manter... independentemente da idade. E lá eu não posso ir. Nem posso ligar. E se acontecer alguma coisa eu não vou saber. E isso apoquenta-me tanto... Eles não me falam e recusam-se a ter qualquer tipo de relação comigo, por mais que eu tenha insistido em voltarmos, no mínimo, a falar o essencial.

 

Como mãe espero apenas conseguir explicar ao meu filho que devemos gostar das pessoas pelo amor que elas nos retornam, por saber que também elas gostam de nós. E gostar de nós não é quantificável no numero de brinquedos, no tamanho ou no preço dos mesmos!! Espero sinceramente que nisso o pipoca saia mais à mãe e perceba que o amor não se compra, constrói-se com actos e respeito. Que importante é o sentimento e não o valor material. Que não faz mal ir a casa dos avós se lá tem brinquedos maravilhosos, mas que não é isso o mais importante.

 

Em resumo de tudo isto, e em jeito explicativo deste desabafo, ontem a conversa com ele foi assim:

Eu - Anda filhote, o pai mandou uma mensagem que está a chegar. Vamos vestir o casaco!

Ele - Puquê? Vamos xaí?

Eu - Sim filho, vais sair com pai...

Ele - Vamos à vó X.?

Eu - Sim doce, vão à avó X....

Ele - Obiáda mãe! Éx mutho uinda mãe!

Eu - Sou???

Ele - Sim mãe, éx mutho uinda, dexas eu i à vó X!

 

Ora se eu nunca disse que não deixava... aquela saída impressionou-me! Hoje comentei com as minhas colegas do trabalho a resposta dele. A amiga cúmplice acha que ele pode já perceber que eu não vou lá e que se passa qualquer coisa... a outra colega acha que ele pode ter ouvido alguma conversa ou terem-lhe dito directamente que não vai mais vezes lá porque a mãe não deixa...

Eu?? Eu estou por tudo e cada vez me assusta mais o que ainda está para vir!!

 

tags:
publicado por Antes assim... às 11:39

link do post | comentar | favorito
|
6 comentários:
De mil sorrisos a 21 de Janeiro de 2010 às 12:47
Pois... A saída dele deixa adivinhar qualquer coisa. Importante é que ele não se aperceba das divergências, ainda que a outra parte possa torná-las evidentes, enfim... A evitar é mesmo a situação de usar o garoto como arma de arremeso para o que quer que seja, não deixees isso acontecer nunca...

beijos e mil sorrisos
:o)))
De Antes assim... a 21 de Janeiro de 2010 às 16:55
Sim, concordo plenamente e é o que mais receio, porque sei o tipo de pessoas com quem estou a lidar... infelizmente esta situação alertou-me para isso mesmo, mas nem quero acreditar que já o estejam a usar, ele é tão pequenino. Eu sofro horrores para fingir que não existe nada contra eles e que é tudo normal, mesmo que ache que ele ainda não percebe muito bem, lamentavelmente do outro lado não deve ser assim. O meu receio é que o meu menino seja o maior prejudicado nisto tudo, sabes? Mas se eu chego a perceber isso, salta-me a tampa e vão ter que me ouvir . Já basta sofrer o filho, quanto mais agora o menino...
Beijinhos
De eueosmeus a 21 de Janeiro de 2010 às 14:20
Sendo muito realista:
Pois eu acho...quase certinho...que ele ouviu comentários lá em casa dos avós...

Como tu dizes, ele não adivinha, mas apanha tudo o que ouve e vê.

Nem toda a gente tem os teus princípios...

À medida que ele cresce, mais coisas te vai contando. Se a situação está assim tão má, prepara-te amiga.

Beijocas

lena
De Antes assim... a 21 de Janeiro de 2010 às 17:06
Pois, infelizmente eu também acho isso amiga. E pensava que estava preparada, mas nunca vou estar, até porque nunca pensei que tivessem este tipo de atitudes tão cedo... se eu já pensava que não ia ser fácil, agora sei que vai dificílimo !!!
Beijinhos
De mamaediogo a 24 de Janeiro de 2010 às 17:08
Olá amiga....que bom que é vir ver de notícias vossas e saber que o teu filhote está cada vez mais esperto....
eu sei que ando meio desaparecida mas sempre que tenho um tempinho passo por aqui a deixar um beijinho...
De Antes assim... a 2 de Fevereiro de 2010 às 15:33
Olá amiga, tambem gostei de saber que ainda andas por aqui!! Como deves ter reparado, o meu tempo também anda escasso... ainda para mais o meu computador avariou!! Mas pronto, obrigada pela visita e pelo beijinhos!! Espero que esteja tudo bem contigo e com o pequeno Diogo!!
Beijinhos

Comentar post

Page copy protected against web site content infringement by Copyscape

.links

.tags

. todas as tags