Lilypie Fourth Birthday tickers

.Eu

.pesquisar

 

.Julho 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
24
25
26
27
28
29
30
31

.Acabado de dizer

. o amor

. Cá por casa é tudo compli...

. Porque viver é mesmo assi...

. Março

. 2011

. PODIA SER DE UM FILME...

. PRENDINHAS DAS BOAS

. A NOSTALGIA DO NATAL

. A VIDA NÃO É FÁCIL...

. BIRRAS... COISA MAI LINDA...

.E já disse tanto...

. Julho 2011

. Março 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

Free Blog Counter

Quarta-feira, 12 de Agosto de 2009

UFA...

Ontem foi um dia complicado... a birra do pipoca acalmou, mas adormeceu sozinho, não queria ninguém, e amuado. Acordou a chorar, e mais uma vez a não querer ninguém... a minha mãe prometeu-lhe tudo para o tentar acalmar, mas em vão! Agora é assim, e esta é a parte polémica do post, mas isto é um blog com opiniões pessoais e são essas que aqui deixo. As bruxas não existem mas que as há, há!! A minha mãe ligou para a nossa "bombeira de serviço", a mãe da minha cunhadinha, que está sempre pronta e disponível, e por isso mesmo é uma querida, para ver o cobrante ao pipoca. A coisa estava complicada, e teve que ver por diversas vezes ao longo da tarde. O que é certo que minutos após ser visto pela primeira vez o pipoca parou de chorar, e como se não fosse nada com ele, pediu à avó e á madrinha  "Pão à teigha e bathame vó?"...

 

Hoje acordou super bem disposto, e nem se importou de ser o pai a ir ter com ele para lhe dar uns mimos, em vez de ser ele a vir ter connosco, como sempre faz questão. Pediu-me para vir de body para casa da avó, e como não iam para a loja deixei, até porque está imenso calor e ele vinha com um ar todo fresquinho e apetitoso, mesmo giro pá!! Quando chegamos foi logo mostrar as havaianas à avó, satisfeito da vida. Depois disse-lhe:

Mãe: Filhote a mãe vai embora!

Filho: À tóilhe??

Mãe: Sim, a mãe vai para o escritório...

Filho: O B. thitha athi à tháza à vó B.! (O B. fica aqui em casa da avó B.!)

 

E espeta-me umas beijocas deliciosas nas pernas e nos braços!! É uma satisfação poder deixá-lo assim, esclarecido, satisfeito e feliz. Sempre fui contra sair às escondidas ou a enganá-lo e penso que até hoje se saí sem ele me ver foi uma ou duas vezes. Já cheguei a voltar para trás se ele não percebe que me estou a vir embora. E percebo que desta forma ele não se sente enganado, sabe onde está a mãe e aceita muito mais facilmente quando eu ou pai temos de sair para trabalhar.

 

Vim embora, e ele ia dar comida às galinhas e ao "Thelhes" (Coelhors)...

 

Hoje à tarde vamos à médica de família, à consulta dos dois anos. Ele está todo satisfeito porque vai mostrar o "dó dói à beça à dôthôia... B. à baiotha à thá, pummm, thaiu à thão!!" (o dó dói à dr.ª... O B. deu uma cambalhota no sofá, pummm, caiu no chão!!).

publicado por Antes assim... às 09:16

link do post | comentar | favorito
|
Page copy protected against web site content infringement by Copyscape

.links

.tags

. todas as tags